top of page
Buscar

Ruptura do Tendão do Peitoral Maior: Guia Completo de Tratamento e Recuperação

Definição da Ruptura do Tendão do Peitoral Maior

A ruptura do tendão do peitoral maior é uma lesão grave que envolve o rompimento do tendão que liga o músculo peitoral maior ao osso do braço. Este tipo de lesão é comumente associado a atividades que envolvem movimentos bruscos ou excessivamente fortes do braço.


Fatores de Risco

Os fatores de risco para essa lesão incluem prática de esportes de alto impacto, como levantamento de peso, luta livre e futebol, bem como exercícios intensos de musculação. Além disso, uma falta de aquecimento adequado ou técnica inadequada durante o exercício pode aumentar o risco de ruptura.


Sintomas Comuns

Os sintomas típicos incluem dor súbita e intensa no peito ou na parte superior do braço, inchaço, hematoma visível ao redor do músculo peitoral, e incapacidade de continuar a atividade. Em casos de ruptura completa, pode-se observar uma deformidade no contorno do músculo peitoral.


Diagnóstico

O diagnóstico é inicialmente sugerido pelo exame físico e história do trauma e é geralmente confirmado por meio de técnicas de imagem como ultrassonografia ou ressonância magnética, que permitem uma visualização detalhada da extensão do dano ao tendão.


Opções de Tratamento

Enquanto tratamentos não cirúrgicos podem ser considerados para lesões menores, a reparação cirúrgica do tendão frequentemente resulta em melhores resultados em termos de força e função muscular, especialmente em indivíduos ativos. Como especialista em cirurgia de ombro e cotovelo, tenho experiência significativa na realização de cirurgias para reparar o tendão do peitoral maior, utilizando técnicas que minimizam o tempo de recuperação enquanto maximizam os resultados funcionais.


Recuperação e Complicações

A recuperação após a cirurgia geralmente envolve uso de uma tipoia para imobilizar o braço, seguido por fisioterapia para recuperar a amplitude de movimento e força muscular. A maioria dos pacientes pode esperar retornar às atividades normais dentro de alguns meses, embora esportes de alta intensidade só possam ser retomados após uma completa reabilitação. As complicações são raras, mas podem incluir infecção, lesão nervosa e recidiva da ruptura.

Em meu consultório, focamos em uma abordagem personalizada para cada paciente, garantindo que o tratamento escolhido seja o melhor possível para suas necessidades específicas e objetivos de vida.


Conclusão

Se você suspeita que sofreu uma ruptura do tendão do peitoral maior, é essencial consultar um especialista. Com minha experiência em tratamentos avançados e cirurgia reconstrutiva, estou aqui para ajudá-lo a alcançar a melhor recuperação possível e retornar às suas atividades com confiança.


Não deixe uma lesão te parar. Agende uma consulta presencial ou teleconsulta hoje mesmo e comece seu caminho para a recuperação!


*Este artigo fornece informações gerais sobre a ruptura do tendão do peitoral maior e não substitui a consulta médica. Consulte um especialista para obter um diagnóstico preciso e o tratamento adequado.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentários


bottom of page